6 motivos para investir em imóveis

Investir em imóveis é um tipo de negócio que se mantem estável ao longo dos anos, e é considerado um dos investimentos mais rentáveis e tradicionais do mercado financeiro.

Existem diversos motivos para se investir em imóveis. A segurança e possibilidade de valorização são as mais famosas vantagens, já que os imóveis tendem a valorizar com o tempo (diferente de carros, por exemplo).

Com certeza você já ouviu a história de alguém que comprou um terreno muito barato e depois que a área do terreno se valorizou o dono conseguiu vender por 10 vezes do valor da compra. Isso acontece com muita frequência.

A possibilidade de se ter prejuízo com investindo em imóveis é muito baixa. No pior dos casos, você acaba recuperando o valor que investiu.

 

6 motivos para se investir em imóveis

 

investimento-em-imoveis

1. Renda passiva vitalícia

Imóveis são uma das melhores fontes de renda passiva que existem, se forem bem administrados e escolhidos na hora da compra. Já imaginou ter uma renda fixa todo mês sem precisar fazer nada? Diversas pessoas possuem essa renda a partir do aluguel de imóveis.

A procura por aluguel em edifícios e condomínios sempre existiu e sempre vai existir. Basta apenas estudar e escolher o imóvel correto e cuidar dele corretamente, dessa maneira rapidamente ele será alugado e sua renda fixa ganha vida.

2. Segurança no investimento

Investir em imóveis também é sinônimo de segurança, já que só tendem a valorizar durante os anos. Mesmo com crises financeiras, onde o mercado imobiliário também sofre com oscilações, os imóveis sempre voltam a recuperar seu valor juntos da valorização.

Importante também lembrar que imóveis são imunes à quebra de bancos e não podem ser congelados pelo governo, como acontece com a poupança. Dessa maneira se tornando estável e seguro.

3. Possibilidade de sair do aluguel

Dizem que o sonho do brasileiro é a casa própria, e quem não sonha em conquistar a casa própria, não é mesmo? Então por que não conquistar esse sonho investindo em um imóvel?

Pagar aluguel é tido como “dinheiro perdido” para muitos, pois a quantia gasta no aluguel não te trará retorno nenhum a longo prazo, apenas atende a necessidade de um local para se morar.

4. Diversificação

Mesmo tendo investimento em outros negócios é importante sempre diversificar investindo uma parte da sua renda em imóveis. Pois além de todos os motivos já citados a cima, temos também o velho ditado: nunca coloque todos os ovos na mesma cesta. Ele se encaixa perfeitamente com esse tópico. Pois se algo der errado de um lado, o outro sempre poderá segurar.

5. Retorno de investimento maior que na poupança

imoveis

A poupança é a aplicação mais comum e uma das mais antigas que se tem relato no capitalismo. O rendimento da poupança é inferior as taxas de juros médias que se paga ao longo do ano, não sendo rentável quando falamos de um valor menor de investimento.

A segurança da poupança se limita em R$ 250 mil, valor que é tido como um investimento médio/alto. Caso algum banco entre em falência, você terá a quantia máxima devolvida de R$ 150 mil. Por isso a poupança é um negócio para se investir bem menos interessante do que imóveis.

6. É possível investir com pouco dinheiro

Muitos pesam que precisam pagar o valor do imóvel de uma vez, erroneamente. Você não precisa ter todo valor para começar a investir em imóveis. Você tem diversas opções, como comprar o imóvel na planta, onde é necessário somente 20% até 30% do valor do imóvel como forma de entrada e parcelas negociáveis de até 48 meses. Faça um estudo profundo sobre essa opção, é tida como a mais viável para quem não possui o valor total do imóvel.

Seja para garantir uma renda extra ou morar, investir em imóveis é sempre uma garantia de segurança!

Aqui na Eduardo Feitosa temos profissionais especializados que podem tirar todas suas dúvidas! Nos ligue já e fale com um de nossos corretores ou venha nos fazer uma visita!

NOSSO WHATS APP

 

Left Menu Icon
A casa é sua!