Vem por aí: Imobiliária Eduardo Feitosa no Feirão da Caixa 2013

Para muitas famílias pernambucanas, maio e junho serão os meses da habitação popular. Isso porque a Caixa promove o tradicional Feirão da Casa Própria 2013, entre os dias 24 e 26 de maio (Caruaru) e 14 a 16 de junho (Recife). A Eduardo Feitosa já está se preparando para realizar o sonho de centenas de pessoas!

O objetivo é superar o ótimo desempenho alcançado pela imobiliária em 2012: foram nada menos do que 720 unidades comercializadas, recorde desde a primeira participação da empresa, em 2004.

 

Mosaico de fotos de clientes e funcionários do Feirão Caixa 2012: sucesso de vendas

 

Em 2013, a grande novidade é a participação na edição Caruaru do Feirão Caixa da Casa Própria, de 24 a 26 de maio. A Imobiliária fechou uma grande parceria com a construtora Multtécnica, que está investindo na cidade. Além disso, nossa participação promete ser ainda mais conectada. Vamos atualizar os clientes e compradores via Twitter, Facebook, Instagram, Google Plus e Pinterest.

 

Um dos clientes Eduardo Feitosa atendidos durante o Feirão 2012

 

SAIBA MAIS: O Feirão da Caixa, que ocupa o Centro de Convenções de Pernambuco, é um evento consolidado no mercado imobiliário pernambucano. Durante cerca de quatro dias (embora este ano as primeiras informações apontem somente três dias), os consumidores têm uma boa oportunidade de conhecer os projetos das construtoras mais conhecidas do mercado, comparar preços e dimensões dos produtos ofertados, realizar simulações de compra, obter a carta de crédito para escolher o local sonhado e até mesmo fechar negócio durante o evento.

 

 

O Feirão também se caracteriza por oferecer aos consumidores alternativas de imóveis com preços mais elevados, mas a vitrine são as opções populares inseridas dentro do programa habitacional do governo federal, o Minha Casa, Minha Vida. Para se ter uma ideia da quantidade de ofertas, em 2012 foram 21,5 mil imóveis disponíveis para compra, um dos maiores volumes desde a primeira edição do evento. Desse total, pelo menos 15 mil unidades eram novas ou na planta (em construção) e 7,1 mil fizeram parte do Minha Casa, Minha Vida. (Fonte: Diario de Pernambuco)

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

1 × 2 =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.